B O L E T I M Número 61 de Abril 2006 - Ano VI

 BIP in English  BIP in English 

Início Destaque Editorial Especial Arquivo
 


O p i n i ã o  

  • A Vós a Razão
  • Colaboradora confessa: “Trabalhar no INESC Porto está a ser uma experiência muito enriquecedora, uma grande contribuição para o meu crescimento profissional e pessoal...”

  • Asneira livre
  • Colaborador sugere: “Deixo a sugestão de organização de torneios de outras modalidades ou outro tipo de actividades para que todos os colaboradores das diferentes unidades do INESC Porto tenham a possibilidade de conviver....”

  • Galeria do Insólito
  • E se alguém se lembra de enviar um fax para recuperar o seu animal de estimação? Pois, uma das nossas secretárias recebeu um e só se lembrou de mandar para o insólito...

  • Biptoon
  • Mais cenas de como bamos indo porreiros...

Ver Notícias

 

A S N E I R A  L I V R E


Com futebol, com trabalho e sem asneiras

Imagem Principal Artigo

Por Paulo Caldas *

Olá a todos!

Finalmente vou escrever o artigo para esta secção do BIP após vários adiamentos da minha parte. Mesmo assim e, com bastante tempo para pensar no que escrever, continuo sem saber sobre que dissertar.

Como a secção tem o título Asneira Livre poderia escrever um conjunto de asneiras, mas também não sei sobre que asneira divagar.

Posso falar do torneio de futebol do INESC Porto, o qual começa no próximo mês de Maio. Também poderia falar da cordialidade com que os jogos são disputados. Poderia igualmente falar do Fair-Play existente, mas este tema vai certamente ser muito debatido/discutido durante o torneio.

Deixo a sugestão de organização de torneios de outras modalidades ou outro tipo de actividades para que todos os colaboradores das diferentes unidades do INESC Porto tenham a possibilidade de conviver. Nem todos gostam de futebol! Esta é uma sugestão de uma pessoa que participou em todos os torneios de futebol realizados, mas que também aprecia conviver com pessoas que não gostam de futebol.

Posso também falar da minha experiência na Unidade de Optoelectrónica e Sistemas Electrónicos. É o tema mais fácil.

Cheguei à unidade no ano de 1998 para efectuar o meu estágio curricular. Fazendo as contas são 8 anos de INESC Porto e por cá continuo e espero continuar por muitos mais anos. Neste período fiz muitos e bons amigos, acompanhei a chegada e a partida de pessoas que marcaram o meu percurso. Aprendi muito nesta unidade e espero continuar a aprender. O ambiente que aqui se vive, quer científico quer humano, é muito bom mas pode sempre melhorar. Este é um desafio que deve ser colocado todos os dias às pessoas que cá estão e transmitido aos novos colaboradores, para que continuemos a ter um bom trabalho científico e para que daqui a algum tempo possamos afirmar que estamos melhor.

Poderia continuar e aprofundar o tema, mas como a secção é dedicada à Asneira Livre acho que não vale a pena continuar a falar de assuntos sérios…

Para evitar que a redacção tenha que cortar palavras (o artigo não deve ultrapassar os 2500 caracteres, incluindo os espaços entre palavras) e para que os leitores não tenham muito que ler por aqui termino. Até a uma próxima oportunidade!

* Colaborador da Unidade de Optoelectónica e Sistemas Electrónicos (UOSE)



INESC Porto © 2021  |Discutir no Forum   |Ficha Técnica   |Topo      

RESPONSABILIDADE: O BIP é um boletim irreverente e não oficial e os artigos e opiniões publicados não pretendem traduzir a posição oficial da instituição, sendo da responsabilidade exclusiva dos seus autores.