INESC Porto
Boletim INESC Porto
 
B o l e t i m N ú m e r o : 4 0 ( i n t e r n o ) / 2 6  ( p ú b l i c o )
 

 

 

USIC aposta em experiência de Teletrabalho 

No âmbito do projecto Pêndulo, já anteriormente noticiado no BIP (*), vai realizar-se uma experiência piloto de Teletrabalho, contando com a colaboração de elementos das diversas Unidades do INESC Porto.

Actualmente os responsáveis de cada Unidade estão a seleccionar os potenciais candidatos a teletrabalhadores. Serão seleccionadas “funções teletrabalháveis”, já que nem todas podem ser realizadas em casa. Mesmo entre as pessoas que exercem estas actividades, nem todas estarão interessadas em teletrabalhar, pelo que neste processo o teletrabalhador tem de ser sempre um voluntário.

Prevê-se que a experiência tenha uma duração de cerca de seis meses, nas quais o teletrabalhador estará um ou mais dias em casa, realizando o seu trabalho de forma remota, usando as tecnologias da Internet de Banda Larga, sendo as comunicações financiadas pelo projecto.

Na experiência estão envolvidos não só os próprios trabalhadores, como também os seus responsáveis directos, já que a própria gestão se tem de adaptar a esta nova forma de organizar o trabalho.

Está prevista a realização de formação nas áreas consideradas necessárias, havendo também um processo de avaliação do decurso de toda a experiência, importante para a análise e conclusões a extrair deste piloto.

É de salientar que o novo Código do Trabalho já prevê o Teletrabalho, pelo que estas actividades estão já regulamentadas, assegurando todos os direitos dos trabalhadores.

O objectivo desta experiência para o projecto é validar uma metodologia, que foi desenvolvida no âmbito do Pêndulo, para implementar o Teletrabalho nas empresas e instituições públicas e privadas. A Direcção do INESC Porto acolheu de bom grado esta experiência, uma vez que está interessada em perceber o que o Teletrabalho pode significar para a Instituição.

Para os teletrabalhadores, o objectivo é melhorar a sua qualidade de vida, harmonizando melhor as suas necessidades pessoais com a da sua vida profissional.

O Pêndulo é um projecto enquadrado na Iniciativa Comunitária Equal, envolvendo além do INESC Porto, Associação Nacional das Empresárias, Instituto do Emprego e Formação Profissional, Câmara Municipal de Valongo, Salvador Caetano, Faculdade de Psicologia, União dos Sindicatos do Porto, Sindicato dos Trabalhadores de Escritório Serviços e Comércio, Coordenação Nacional da Família, Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego.

A participação do INESC Porto é assegurada pela USIC através do colaborador Paulo Monteiro.

Outras informações poderão ser obtidas no site do projecto http://www.pendulo.org

(*) na edição de Dezembro de 2003, n. 35 interno e n. 21 público.